Arquivo da Categoria:

The Yeatman

Sou uma completa apaixonada pelo Porto. Uma daquelas paixões pelo desconhecido. Só estive no Porto de passagem, sem nunca parar para explorar a cidade. Há uns dois ou três anos que digo insistentemente que vou visitá-lo, mas infelizmente nunca se … Continuar a ler

Publicado em | Etiquetas , , , , | Publicar um comentário

E se ganhámos. É a prova de que o tempo traz o que é realmente nosso. Estou com curiosidade de ler este livro do Daniel Oliveira. À partida parece um livro cliché e demasiado lamechas… mas às tantas, através dos … Continuar a ler

Publicado em | Etiquetas , , | Publicar um comentário

Tenho andado extremamente afastada deste meu canto. Não existem razões concretas para isso acontecer. Ou talvez existam e eu prefira simplesmente esquecer-me delas. Mas tenho saudades… Tenho saudades de escrever e de deixar aqui a minha marca. Saudade essa que … Continuar a ler

Publicado em , Uncategorized | Publicar um comentário

O dia de hoje lembra-me os dias frios de Inverno. Não necessariamente por estar uma temperatura baixa neste dia que é suposto ser de Verão, mas porque simplesmente o ambiente que me rodeia encontra-se frio e ao mesmo tempo aconchegante. … Continuar a ler

Publicado em | Etiquetas , , , , , | Publicar um comentário

Insónia

E são as horas, que andam às voltas, que me matam, ou as minhas voltas na cama que matam as horas. E é este mal estar interior que me aperta o grito na garganta, ou o saber o que a … Continuar a ler

Publicado em | Etiquetas , , | Publicar um comentário

As bibliotecas

« As bibliotecas são como aeroportos. São lugares de viagem. Entramos numa biblioteca como quem  está a ponto de partir. E nada é pequeno quando tem uma biblioteca. O mundo inteiro pode ser convocado à força dos seus livros. Todas … Continuar a ler

Publicado em | Etiquetas , , , , , | Publicar um comentário

Um ano.

Fiquei eu mesma surpreendida quando recebi uma notificação de Parabéns! por parte do WordPress. Parece que estou por estas bandas à cerca de um ano e nem me tinha apercebido. O tempo passa e nem dou por ele. Na verdade, … Continuar a ler

Publicado em | 1 Comentário